Estudo: Jovens embebedam-se para melhorar vida sexual

Grande parte dos jovens adultos europeus consome drogas e álcool para melhorar a sua vida sexual, de acordo com um estudo divulgado pela Public Health do Reino Unido, que adianta que é sobre a influência destas substâncias que os inquiridos têm relações desprotegidas.
Um terço das mulheres, entre os 16 e os 35 anos, e 23% dos homens assumiram que bebem para terem mais hipóteses de ter sexo, tendo sido entrevistados jovens na Alemanha, Reino Unido, Áustria, República Checa, Grécia, Itália, Portugal, Espanha e Eslovénia.

O consumo de álcool e drogas está intimamente ligado às relações sexuais antes dos 16 anos em todos os países que participaram na pesquisa, especialmente no caso das mulheres. A cocaína foi apontada como «uma ajuda», dado que aumenta a duração do acto sexual e é normalmente associada à promiscuidade. A cannabis e o ecstasy também foram referidos.

Os jovens que admitiram ter bebido demasiado nas últimas quatro semanas são os que terão tido cinco ou mais parceiros, que terão tido relações sem o recurso ao preservativo e também os que mais se arrependem de ter tido sexo depois do uso do álcool ou drogas.
«Os jovens precisam de aprender com os adultos, que ajudam a criar uma cultura em que o sexo e o uso de substâncias são aprendidos na escola», defende o director-executivo da investigação, Simon Blake, acrescentando que «a educação sexual necessita incluir mais tópicos sobre a sua associação com o álcool, as drogas e as relações não protegidas».

Fonte: Diário Digital.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s